Carreira: 10 sinais para você repensar sua vida profissional

Você se formou e logo ingressou em um curso de pós graduação, conseguiu um emprego dos sonhos, fez carreira e foi cada vez mais se aperfeiçoando. Conforme as oportunidades surgiam, você se prontificava, assumiu responsabilidades, fez mais cursos, virou noites trabalhando, abriu mão de passeios com seus amigos, brigou com o namorado e se estressou.

Então sua ficha caiu e você começou a se questionar: será que eu estou no emprego certo? Era isso mesmo que eu deveria estar fazendo?

Essa voz que agora ecoa sobre você não te deixa em paz. Isso porque você já gastou muito tempo, dinheiro e energia em muitos projetos e não quer jogar tudo fora e começar do zero denovo. O salário é ótimo, você ocupa um cargo bom, e ainda por cima não tem absoluta certeza de que existam opções melhores em outros lugares. Então você procrastina a decisão e se acomoda, continuando onde está, mesmo que odeie o seu emprego, sua rotina e seu chefe.

Como ter certeza se aquele é mesmo o lugar onde você deveria estar? Existem alguns sinais que devemos ficar alertas, quando eles aparecem com muita frequencia é melhor refletir se não é o caso de mudar.

Sinais de que está na hora de mudar sua vida profissional

1. Seu chefe quer sempre “levar a fama” nas coisas que você faz

Você e a sua equipe trabalham duro para atender às demandas, tem iniciativas, colocam a mão na massa e fazem de tudo para o projeto ser entregue com qualidade e no prazo. Mas seu chefe não elogia nem agradece. E o pior de tudo, ele faz o marketing de tudo isso para os chefes dele como se fosse mérito dele e não da equipe.

2. Você não tem autonomia e não há confiança

Você tem restrições para tudo, suas idéias e opiniões não são consideradas e você não é encorajado a inovar ou dar soluções diferentes para os problemas. Você tem que seguir exatamente o que te pedem. Em alguns casos você é microgerenciado e querem saber cada passo que você dá e porque.

3. Seu potencial não é valorizado

Você não está usando todo o seu potencial. Seja porque a tarefa que você faz é simples demais, ou então porque seu chefe não te valoriza ou não confia que você é capaz de assumir mais responsabilidades

4. Você não vê propósito naquilo que faz

Você não vê um propósito maior nas suas atividades, e no que aquilo pode ajudar a construir um mundo melhor. Não tem uma visão de futuro do projeto ou carreira e nenhuma inspiração ou orgulho do que faz.

5.Você não é encorajado ou incentivado a se desenvolver

A empresa onde você está não te encoraja e nem te incentiva a se desenvolver na carreira (com recursos financeiros ou liberando você para fazer um curso por exemplo). Em alguns casos quando você comenta sobre algum curso que está fazendo o seu chefe desdenha ou menospreza dizendo não ser necessário.

6. Você se sente substituível

Não é de hoje que a gente ouve a frase “ninguém é insubstituível”, porém se sentir substituível é uma sensação muito desconfortável. Se a empresa te trata apenas como mais um, não se importa com quem é você como profissional e pessoa, é melhor pensar se você está no lugar certo.

7. Seu chefe está mais preocupado em agradar os superiores do que a equipe

Seu chefe toma decisões que vão agradar o chefe dele e vão fazer ele se destacar na organização, mesmo que isso vá contra os princípios da empresa ou desagrade a equipe

8. Você não se vê ocupando cargos na empresa

Você olha seu chefe e pensa: “o que ele faz aqui eu jamais gostaria de fazer”. Você simplesmente não se vê fazendo as atividades do cargo que você ocupará se continuar crescendo na empresa.

9. Você não se sente respeitado

Seu chefe marca reuniões em horários inconvenientes, diz frases que te desmerecem ou se vangloriza para você, fazendo comparações de como ele faria melhor o seu trabalho.

10. Só te procuram para cobrar entregas

Seu chefe só te chama para conversar se for para cobrar entregas, não há diálogo sobre carreira ou mesmo sobre algo mais pessoal. Além disso, ele não te dá feedbacks ou indicações se seu trabalho está indo bem.

Se você está passando por algumas dessas situações, é hora de refletir se é isso mesmo que você quer continuar fazendo pelo resto da sua vida.

A vida é curta demais para não fazermos o que amamos!

Boa sorte na sua jornada!

JÁ PENSOU EM SER UM DOS MELHORES LÍDERES DE HOJE E DE AMANHÃ? CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS. É GRÁTIS.

Conteúdos Relacionados

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui

Últimos conteúdos

A nova era da Gestão Ágil

Virou moda: as empresas mais moderninhas estão criando áreas internas chamadas de “descompressão”, que são áreas decoradas especialmente para descontrair seus funcionários. Eles colocam...

Lifelong Learning: O segredo para você se manter no mercado

Lifelong Learning significa aprendizagem contínua e diante das mudanças que estamos vivendo é um conceito fundamental para quem quer ser e continuar sendo relevante...

O que é feedback? Qual sua importância e os principais tipos?

Feedback é uma palavra de origem inglesa que significa dar resposta a algo ou alguém. Também pode significar a própria resposta ou reação, por...

Categorias